Notícias

Boletim Redecomep

Nº 25/2010

[RNP, 29.10.2010]


    Destaque

    No dia 13/10, foi realizada a reunião para lançamento do projeto Redecomep em Itajubá (MG). A rede será coordenada pela Universidade Federal de Itajubá (Unifei). A reunião contou com a presença de representantes das principais instituições de ensino e pesquisa da cidade e, representando o prefeito de Itajubá, a secretária Municipal de Ciência, Tecnologia, Indústria e Comércio, Leandra Machado Santos.

    Centro-Oeste

    O projeto executivo da Rede Metropolitana de Palmas (Metrotins), que foi refeito em julho, segue em aprovação pela Companhia de Energia Elétrica do Estado do Tocantins (Celtins).

    Norte

    O Comitê Técnico da Rede Metropolitana de Porto Velho enviou para a coordenação técnica da Redecomep a versão final do projeto técnico. O documento deve ser aprovado até o final de outubro.

    Nordeste

    Continuam em negociação os contratos com as companhias de energia elétrica de Maceió e de Teresina para a passagem dos cabos ópticos das respectivas redes.

    Sudeste

    Segue em fase de implantação a Rede Metropolitana de Belo Horizonte (Redecomep-BH). No Rio de Janeiro, na primeira quinzena de outubro foi assinado o convênio relativo ao trecho da Linha Amarela.

    Redecomep - Fase 2

    Em 14/10 foi realizado o lançamento da Solicitação de Propostas (SDP) para selecionar o s fornecedores responsáveis pela  elaboração de projeto e pela construção das redes metropolitanas de Campinas, Itajubá, Ouro Preto/Mariana, Pelotas, Petrolina/Juazeiro, Petrópolis, São Carlos, Uberaba e Uberlândia. O resultado final do processo deve ser anunciado em novembro.

    Em Petrópolis, uma nova versão do projeto técnico da rede foi submetida pelo Comitê Gestor e está em avaliação pela Coordenação Técnica da RNP.

    Com relação à rede de Pelotas, o projeto técnico continua em avaliação pela Coordenação Técnica da RNP. Também prosseguem as negociações com a Companhia de Energia Elétrica do Rio Grande do Sul (CEEE) para uso dos postes para passagem dos cabos ópticos.

    Com relação às redes de Castanhal, Santarém, Altamira e Marabá, o convênio com a empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará (Prodepa) será encaminhado em breve à RNP para assinatura.

    Em São Carlos, continua em elaboração o projeto executivo da rede. E, em Niterói, permanece em negociação a assinatura de um convênio com a empresa de energia elétrica Ampla.