Notícias

Cidade mineira de Ouro Preto terá rede acadêmica local

Projeto faz parte da expansão da iniciativa Redecomep

[RNP, 01.08.2008]




No dia 25 de julho, foi lançado oficialmente o projeto que visa a
conectar em rede instituições acadêmicas da cidade de Ouro Preto (MG).
Além da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop)e o Cefet-OP,
participarão da rede a prefeitura municipal e a Secretaria de Ciência e
Tecnologia de Minas Gerais. A ação faz parte da expansão da iniciativa
Redes Comunitárias de Educação e Pesquisa (Redecomep) da Rede Nacional
de Ensino e Pesquisa (RNP) para novas cidades e regiões do país.

O objetivo da Redecomep é ampliar a capacidade e a qualidade das
conexões da comunidade acadêmica à rede Ipê da RNP. Baseadas em
tecnologias ópticas, as redes metropolitanas facilitam e ampliam
a integração entre universidades e unidades de pesquisa. Instituições
participantes passam a ter acesso mútuo à produção científica, podendo
inclusive compartilhar projetos de educação a distância e interagir por
meio de videoconferência.

A Redecomep já inaugurou seis redes, ao menos uma em cada região do
Brasil - Belém, Manaus, Distrito Federal, Vitória, Florianópolis e
Natal. Até o fim de 2008, serão 27 redes metropolitanas operando em todo
o país. Na nova etapa, além de Ouro Preto, serão conectadas nove
cidades: Campinas, Itajubá, Pelotas, Petrolina, São Carlos, Uberaba,
Uberlândia, Niterói e Petrópolis. Destas, São Carlos e Niterói já estão
em fase de elaboração dos projetos técnicos das redes.




Juliana Berriel
RNP
01.08.2008