Notícias

Redes de campus é pauta de discussão nas universidades do Nordeste

Grupo de trabalho técnico é criado para identificar necesidades e encaminhar proposta ao MCT

[RNP, 10.11.2005]


    A atualização do backbone da RNP e a iniciativa Redecomep, que vai levar conexão giga para as regiões metropolitanas dos estados brasileiros, estimularam representantes da comunidade acadêmica da região Nordeste a se unirem numa estratégia de busca por recursos com o propósito de revitalizar as redes de campus das suas universidades.

    Após uma reunião com o ministro da Ciência e Tecnologia Sérgio Rezende que reconheceu a importância do assunto e apoiou a iniciativa, se reuniram, no dia 21 de outubro, na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), representantes desta e das universidades federais do Ceará (UFC), do Rio Grande do Norte (UFRN), da Bahia (UFBA), da Paraíba (UFPB), do Vale do São Francisco (Univasf), de Alagoas (Ufal), da rural de Pernambuco (UFRPE), além de representantes do Ponto de Presença da RNP em Pernumbuco (POP-PE), e do Centro de Tecnologia do Nordeste (Cetene).

    Na ocasião, o Diretor Geral da RNP, Nelson Simões, apresentou um panorama das iniciativas da RNP, tanto em nível nacional quanto em metropolitano, alinhadas com os projetos estruturantes do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT). Em seguida, o coordenador nacional da Redecomep, José Luiz Ribeiro Filho, fez um breve relato sobre o andamento da iniciativa em todo o país.

    Durante a reunião, foi ressaltado pelos reitores da UFPE, Amaro Lins, e da UFRPE, Valmar Corrêa de Andrade, a necessidade de revitalização das redes de campus das universidades de modo a poderem aproveitar a infra-estrutura de alta capacidade do novo backbone da RNP por meio das suas interconexões com as redes metropolitanas comunitárias que estão sendo implementadas pela Redecomep.

    Como resultado, foi criado um grupo de trabalho com representantes técnicos das instituições envolvidas com o objetivo de levantar as necessidades das universidades com relação às deficiências nas infra-estruturas das suas redes de campus e propor um projeto de revitalização a ser encaminhado para o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT).

    A primeira reunião do grupo técnico ocorreu no dia 26 de outubro em Recife. Cada representante relatou o estado atual de sua rede de campus e ressaltou as necessidades mais imediatas. Diante da semelhança das necessidades levantadas optou-se pela elaboração de propostas no mesmo patamar. O prazo para a entrega da primeira versão do projeto de cada rede ficou estabelecido para o dia 4 de novembro, enquanto que a entrega do projeto final está prevista para o dia 14 do mesmo mês. Até esta data deverá ocorrer um outra reunião no dia 8.




    Vanessa Macedo
    RNP
    10.11.2005